Ferramentas acadêmicas colaborativas

Para compreender e medir o impacto que a pesquisa científica pode ter nas redes sociais, para além da informação fornecida pelos índices de citação em revistas acadêmicas, estuda-se hoje um tipo de métrica chamada Altmetria (Almetrics, em inglês).  Usando as ferramentas sociais da Internet, pesquisadores podem medir o quanto a sua pesquisa (e todo o material bruto sobre ela que vierem a publicar) é replicada, disseminada (retuitada/compartilhada), comentada e curtida nas redes, usando todo tipo de conteúdo como artigos, livros, apresentações, blogs, etc.

 Podemos citar pelo menos três redes sociais que trabalham especificamente com o público acadêmico: Academia.eduMendeley e ResearchGate. A Academia.edu foi criada em 2008 e é a mais popular dentre as três, possuindo hoje um pouco mais de 12 milhões de usuários. Em seguida vem a ResearchGate, também criada em 2008, com 5 milhões de usuários, e a Mendeley, criada em 2007, que possui 3,1 milhões de usuários. A rede Mendeley foi originalmente lançada como um software para gerenciamento e armazenamento de documentos, mas hoje incentiva a rede social privada e pública. Em 2013, ela foi comprada pela gigante Elsevier por supostos 76 milhões de dólares. 
 
Tais redes oferecem aos seus membros um lugar para criar páginas de perfil, compartilhar artigos, rastrear suas visualizações e downloads, e discutir entre pares a pesquisa acadêmica. Tais ferramentas aproximam cientistas em torno de temas de pesquisa em comum, mas serão elas apenas mais uma das várias redes sociais acadêmicas que existem por aí?

Não é isso o que pretendem e sim oferecer recursos específicos aos pesquisadores que sejam importantes ou inovadores para suas pesquisas. A rede Mendeley, depois de comprada pela Elsevier, agora pode fazer a interconeção com a base de dados de pesquisa de artigos Scopus, por exemplo. O Open Review, do ResearchGate, incentiva os usuários a postar críticas e reflexões mais profundas sobre publicações existentes; ou ainda que permita o upload de dados brutos – incluindo, talvez, os resultados negativos que poderiam nunca ser publicados. No Academia.edu, por exemplo, há a ideia de lançar um recurso de revisão que permita construir melhores sistemas de filtragem para dizer em que pesquisa confiar.

Outra pergunta relevante que muitos pesquisadores se fazem é se devem depositar o conjuntos de seus dados e comentários nessas redes sociais ao invés de em outros lugares como em seus próprios sites, por exemplo, ou em repositórios universitários ou em algum site de armazenamento de dados dedicados a isso? 
 
Tal preocupação é pertinente, afinal, o medo de perder o controle de sua produção, de seus dados e de ter talvez que pagar para poder acessá-los, pode ser real. Mas por outro lado, poder comparar a sua pesquisa com a de outros pesquisadores, que tenham interesses de pesquisa em comum, pode ser benéfico e enriquecedor o avanço e a inovação na pesquisa científica como um todo.
Anúncios

Sobre abax

Esse blog foi feito para refletir sobre como as novas tecnologias da comunicação e da informação da Internet - aqui chamadas de Tecnologias Interativas - podem ajudar o homem a estar no mundo e a fazer Ciência no século XXI? Interesses: Interação-homem-máquina Cognição Construção do conhecimento científico Ferramentas Interativas da Internet

Tem algo para dizer?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Conexão África

Um blog dedicado à musica africana: uma viagem pelo continente africano, sua diversidade e sua riqueza (Rádio Kaxinawá - FM 100.1)

Blog da Boitempo

Aqui você pode encontrar informações dos livros e eventos realizados pela editora Boitempo. E, principalmente, pode interagir e ajudar na construção da editora que ousou ter uma cara e conquistou seu espaço produzindo livros de qualidade

Bernard Thomasson

journaliste, écrivain, voyageur, marathonien

Júlio Hermann

Brazilian writer and journalist.

sonia hirsch

jornalista e escritora focada em promoção da saúde

Innovations in Scholarly Communication

Changing Research Workflows

Sociologia Associativa

Laboratório de Sociologia dos Processos de Associação (LaSPA)

Entendendo o Corpo e a Dor by Tati Pilates

Por que a dor aparece? O que ela quer nos dizer? Como posso me curar?

compartilhandohistorias

Just another WordPress.com site

Naiara Bertão

Portfólio e insights da jornalista Naiara Bertão

Revolução dos Índigos e Cristais

Eles estão chegando para ajudar na transformação social, educacional, familiar e espiritual de todo o planeta, independente das fronteiras e de classes sociais. São como catalisadores para desencadear as reações necessárias para as transformações. As pessoas despertas acordarão como de um sonho com seus centros de energia totalmente abertos, livres do véu do esquecimento, tanto pessoal quanto planetário, pertinentes à terceira dimensão. As pessoas começarão a se reconectar com suas origens e propósitos da alma, que é o retorno da Consciência Crística para o planeta. Um novo campo de percepção está disponível para aqueles que aprenderem a ver as coisas de uma outra forma.

#CódigoAbierto_CC

Tecnopolítica, cultura libre, redes, comunicación, postperiodismo. El blog de Bernardo Gutiérrez (@bernardosampa)

Centelha

Um pouco de vida

Pesquisa Educação

Renata Aquino, doutora em educação e tecnologia

TED Blog

The TED Blog shares interesting news about TED, TED Talks video, the TED Prize and more.

L:I.S.T.A

Laboratório de Pesquisas em Interações Sociotecnicoambientais

The Scholarly Kitchen

What’s Hot and Cooking In Scholarly Publishing

un blog, des blogs

Et le Metablog fut

%d blogueiros gostam disto: